Quais são os projetos de parques e áreas de lazer em Blumenau?

28 de junho de 2017

Jornalista, editor do Cidade Plural
Vamo Siuni na Prainha. A população tomando a frente

Blumenau precisa de mais parques urbanos como o Ramiro. Essa afirmação surge a cada nova polêmica envolvendo o Parque Ramiro Rudiger e voltou a cena desde a semana passada, quando a Acib se posicionou em defesa de um controle do uso da área de lazer por assessorias esportivas e academias. Para muitos, a necessidade de regular o uso do local para essas entidade só ocorre porque faltam parques na cidade.

A cidade possui hoje de parques urbanos o Ramiro Rudiger com 45 mil metros quadrados e o Parque de Animais Lúcia Sevegnani com 1,3 mil metros quadrados, além de praças nos bairros que contam com equipamentos de lazer como quadra esportiva, brinquedos e academia ao ar livre. Há também a Prainha, reaberta ano passado mas sem a reforma que a Prefeitura pretende realizar e o projeto do Parque das Itoupavas, que devem ficar pronto no começo de 2018.

Para reformar a Prainha e ainda urbanizar a margem esquerda do Rio Itajaí na região central, a Prefeitura possui um projeto estimado em R$ 15 milhões, recursos ainda não captados para sua realização.  São 50 mil metros quadrados de área, maior que o Ramiro e o futuro das Itoupavas, e uma proposta de revitalização que inclui reformar a concha acústica, criar um pier flutuante para os esportes náuticos, além de pista de caminhada, ciclovia, entre outros.

Não há, no momentos, outros projetos de parques na Prefeitura de Blumenau. Existem três áreas de lazer menores com projetos em andamento para atender três bairros, especificamente próximo a condomínios do programa Minha Casa, Minha Vida. No Tribess, a área de 4 mil metros quadrados foi dividida em três etapas. Uma concluída, outra com previsão de entrega no final do ano e a última ainda sem prazo.

Os outros dois bairros contemplados são o Progresso (área de 2,2 mil metros quadrados) e o Boa Vista (423 metros quadrados) que contam hoje com o projeto arquitetônico concluído. Há ainda, duas propostas de parques lineares para os ribeirões Velha e Fortaleza, que no momento estão apenas no estudo de concepção.

Cinco parques

Para o arquiteto e urbanista Christian Krambeck, Blumenau precisava hoje de pelo menos cinco parques contando com o Ramiro e das Itoupavas, para atender com razoabilidade a comunidade.  Para ele, o foco maior hoje deveria ser um parque no Grande Garcia, depois na região da Velha/Água Verde e outro na Fortaleza. Para ele, os R$ 40 milhões a serem investidos na Ponte do Centro seriam mais bem utilizados se fossem para a criação dos parques.

“O espaço público permite o encontro das pessoas, dos diferentes e muda a realidade de uma cidade. No ponto de vista econômico, cultural. A segurança pública melhora também com mais gente nas ruas. Cria-se um ciclo virtuoso para a cidade”, comenta.

Manutenção

A discussão sobre as áreas públicas da cidade entrou na pauta da Câmara Municipal. Um das preocupações é com a manutenção dessas áreas. Segundo o vereador Bruno Cunha (PSB), a Prefeitura gasta hoje R$ 2,8 milhões por ano para manter o Ramiro, o parque dos animais e as praças públicas. Cunha propôs utilizar uma lei de 2003 e um decreto de 2014 que regulamenta o uso de placas publicitárias para vender espaços publicitários nessas áreas, sugestão aceita pela Secretaria de Manutenção.

“Hoje, o Parque dos Animais só funciona até às 19h. A alegação é que falta recursos para manter a segurança até mais tarde. A proposta que fizemos é usar a lei atual e permitir placas de publicidade que possam arcar com essas despesas”, afirma.

—-

A situação das áreas de lazer em Blumenau

ÁREAS ATUAIS

Parque Ramiro Rudiger
– 45 mil metros quadrados na Rua Alberto Stein, Velha.
– Abre das 6h às 0h.
– Possui lago com 4 mil m2 e deck, pista para corrida e caminhada, com cerca de 700 metros de extensão, ciclovia, bosque, playground, sanitários, lanchonete, quadra poliesportiva, vôlei de areia. quadra de tênis, mini-academia de ginástica, pista de skate.

Parque dos Animais Doutora Lúcia Sevegnani
– 1,3 mil metros quadrados atrás do Angeloni Fonte Luminosa, Centro.
– Abre das 7h às 19h.
– Único voltado aos animais (proibidos no Ramiro), funciona no antigo Parque da Foz do Ribeirão Garcia.

FOTO: Michele Lamin/PMB

EM CONSTRUÇÃO OU PRECISANDO DE REFORMA

Parque das Itoupavas
– 49,5 mil metros quadrados na Rua 1 de Janeiro, Fidélis, próximo a BR-470.
– Terá pistas de caminhada, ciclovia, quadras esportivas, playground, academia ao ar livre, pista de skate, bosque, cenário semelhante ao Ramiro.
– Obra iniciada em 2015 deve ficar pronta no começo de 2018.

Praça Juscelino Kubitschek de Oliveira (Prainha) + Margem Esquerda
– 50 mil metros quadrados junto ao Rio Itajaí, no Centro.
– Projeto de revitalização inclui a reforma da Concha Acústica, criação de um espaço com bancos para a plateia da Concha, acesso por Passarela Metálica ao Museu Vapor Blumenau, espelho d’água e cascata na base do Vapor Blumenau, decks de madeira em volta do espelho d’água, área para playground, passeios em vários níveis, pavimentados com paver e também com piso tátil, rampas e escadas garantindo a mobilidade a todos, mirantes frontais, para contemplação do rio, preservação das árvores existentes, solárium para resgatar os banhos de sol, pier flutuante para viabilizar e resgatar os esportes náuticos + calçadas, ciclovia e mirantes na margem esquerda do rio.
– Projeto orçado em R$ 15 milhões. Recursos não captados.

Área de Lazer Agnelo Paulo Lanser
– 4 mil metros quadrados na Rua Hermann Tribess, bairro Tribess.
– Obra dividida em três etapas
– Etapa 1 (concluída) com drenagem, canteiros, delimitação quadras, pista de caminhada, pista de bike, banheiros e iluminação
– Etapa 2 (obras não iniciadas) com acabamento das quadras, cancha de bocha e academia ao ar livre.
– Etapa 3 (previsão de entrega no fim do ano) com quiosque, pavimentação com paver e gramado.

PROJETOS DE ÁREAS DE LAZER

Área de Lazer do Progresso (sem nome)
– 2,2 mil metros quadrados junto ao Residencial Progresso
– Projeto Arquitetônico Básico pronto. Falta contratar projetos complementares e orçamentos
– Área deverá ter playground, pet place, academia ao ar livre, quadra esportiva, área para piquenique, pista de caminhada, pista de bicicleta e trilha.

Praça José Manoel do Nascimento
– 423 metros no bairro Boa Vista.
– Projeto Arquitetônico Básico pronto. Falta contratar projetos complementares e orçamentos
– Deverá ter pista de caminhada, quadra, pista de skate, mesa de jogos, playground, academia ao ar livre e pet place.

—-

PROPOSTAS

Parques Lineares
– Há dois estudos de concepção prontos para parques lineares junto aos ribeirões Velha e Fortaleza.
– Há uma defesa de urbanistas que exista um parque linear junto ao ribeirão Garcia.
– O vice-prefeito Mário Hildebrandt propôs na administração anterior, ainda como vereador, que o terreno onde fica atualmente o Presídio Regional de Blumenau se transformasse num parque para o Água Verde. A ideia era ter a proposta pronta antes mesmo de o governo estadual desativar a estrutura. No entanto, não há previsão de desativação do presídio.