Feirinha da Servidão Wollstein chega a 30 edições

4 de Maio de 2017
Redação Cidade Plural

A chuva voltou a atrapalhar a Feirinha da Servidão Wollstein em abril, impedindo a sua realização após um 2016 sem adiamentos e interrupções. Já para este domingo (7), a previsão não é de chuva e a Feirinha chegará a sua 30ª edição.

O horário se mantém: das 10h às 18h, integrando com a Rota de Lazer da Rua XV de Novembro. Serão 100 estandes a disposição do público, além de atrações culturais e ações sociais. A organização é da Microponto Produções.

Uma das novidades nesta edição é a criação de uma praça de alimentação que reunirá todos os estandes de alimentação, antes espalhados pelas ruas Curt Hering e Floriano Peixoto. A edição de maio será no primeiro domingo do mês e não no segundo por causa do dia das mães. A mesma regra deverá ser aplicada em agosto, por causa do dia dos pais.

Outra ação importante adotada neste ano é a participação dos próprios feirantes na organização. “A procura, tanto dos artistas quanto dos feirantes, está fazendo com que deixemos o processo mais aberto para que mais pessoas possam colaborar na construção desse evento. Trabalhando de maneira horizontal, o evento tem como objetivo crescer de maneira sustentável e fortalecendo o mercado dos pequenos fazedores de cultura” afirma Bruna Zago, uma das organizadoras da feirinha.

Confira abaixo, todas as atrações e a programação desta edição:

Espaço Gurizada
Intervenções musicais, brinquedos e brincadeiras pedagógicas prometem divertir o público infantil que frequenta o evento, além de tabuleiros e jogos de mesa que o Sesc Recreação vai disponibilizar para toda a família. O projeto Musicalizando com Sucata, que usa materiais que antes eram lixo para transformar em instrumentos musicais, fará apresentações durante todo o dia, a partir das 10h.

Shows
Artistas locais e foco na música autoral. Essa é a programação musical da Feirinha da Servidão, que neste domingo tem discotecagem com Rafael Barros a partir das 12h, show com Vitor Soltau às 14h e Heróis de Ninguém às 16h.

Feira Setorial da Literatura
Fortalecendo a literatura local, a Feira Setorial de Literatura traz a sessão de autógrafos do livro “Cidade da Chuva”, de Humberto Soares, e zines, livros, contos e poesias da escritora Terezinha Manczak.

Exposição + Teatro
O espaço de exposições recebe o trabalho de Jean Errado e seu trabalho de LIVE PAINTING. Já o teatro de bonecos chega com o espetáculo “Quedelhe O Boi?, da Pequeninus Grupo de Arte, de Canelinha, com apoio do SESC.

Como participar da Feirinha?
Para participar como feirante é simples: as inscrições acontecem sempre no terceiro sábado de cada mês e é feita online através de formulário disponibilizado no site do evento (www.feirinhadaservidao.com.br) e também nas redes sociais. O valor da inscrição é de 50,00 e deve ser depositado para garantir a reserva. O propósito da Feirinha da Servidão Wollstein é de incentivar microempreendedores locais e fazer com que cresçam junto com a cidade, fomentando a economia de pequenos negócios. Para os artistas, as inscrições ficam abertas durante todo o mês e, a partir das inscrições, a organização faz a curadoria de programação.

Serviço:
O quê: 30ª edição da Feirinha da Servidão
Quando: 07 de maio – domingo – 10h às 18h
Onde: ruas Floriano Peixoto (entre a XV de Novembro e a 7 de Setembro) e Curt Hering
Quanto: GRATUITO!
Programação:
10h – Abertura da exposição de Jean Errado
12h – discotecagem com Rafael Barros
14h – show com Vitor Soltau
15h – espetáculo “Quedelhe O Boi?”
16h – show com Heróis de Ninguém
16h30 – sessão de autógrafos com Humberto Soares

DURANTE TODO O DIA:
+ Feira Setorial de Literatura
+ Musicalizando com Sucata
+ Espaço GURIZADA
+ Espaço Saúde do Sesc com testes de glicemia, pressão arterial, cálculo de índice de massa corporal (IMC) e orientação nutricional com brinquedos e brincadeiras pedagógica em parceria com a Casa Lúdica e o Sesc

Informações: feirinhadaservidao.com.br | facebook.com/feirinhadaservidao