28/agosto/2018

Das misérias humanas

Poesia


Estudante de Ciências Sociais, professor e poeta

Tem gente que sofre de miséria

E passa fome

Tem gente que sofre de miséria e

não sabe o que come

Tem gente de miséria sente sede

tem quem de miséria não sabe o que sente

De miséria real e verdadeira

E os que de miséria passam mal

Tem uma miséria que dói e outra que corrói

Uma é concreta, outra do tipo ideal

Tem gente que de miséria passa fome

Tem gente que de miséria só consome

Uma não da pra esconder

Outros fazem questão de mostrar

Uns de pensamento

Outros por azar

Há quem diga que foi abolida

Há quem diga que acabou

Ou foi estendida para todos

Ou hoje ela virou show

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *