17/Março/2018

Os ovos e a intolerância em Blumenau

OPINIÃO: Não importa se você é de direita ou esquerda, não podemos aceitar que joguem ovos em quem se manifesta na cidade


Jornalista, editor do Cidade Plural

” No Centro de Blumenau, ontem (15/03/18), militantes dos Direitos Humanos do PSOL, PCdoB, PSTU, PT e REDE e diversas pessoas não ligadas a partidos políticos se reuniram em um Ato de Resistência e Homenagem a vereadora Marielle Franco (PSOL/RJ) e ao motorista Anderson Pedro Gomes. Dor, Falas, Abraços, Lágrimas, Gritos, Caminhada, Força, Resistência, Luto, Luta….estavam no corpos que ocupavam o chão central de Blumenau e ecoava para o alto. Do alto voaram ovos em direção as pessoas que caminham com velas nas mãos”.

As palavras são do ator e diretor de teatro Rafael Koehler, que tem voz aqui no Cidade Plural. A denúncia que jogaram ovos nos manifestantes precisa ser destacada, discutida e repudiada. Independente do posicionamento político, independente de você gostar ou não das posições políticas das pessoas que estavam nas ruas, Blumenau não pode aceitar esse tipo de atentado a liberdade de expressão.

Manifestações de protesto após a execução da vereadora carioca ocorreram em diversas partes do Brasil e do mundo. O assunto foi o fato político mais comentado da história do twitter no Brasil, batendo até mesmo o impeachment (fonte: Revista Piauí). Estamos falando de uma pessoa que foi executada e as investigações apontam para um envolvimento de milícias ou policiais militares no caso.

O Brasil é um dos países mais violentos do mundo, com um índice assustador de assassinatos cometidos diariamente. O caso em questão não é de uma morte vítima de conflitos de traficantes, balas perdidas em confrontos com a polícia ou de latrocínio. Não houve roubo, imagens já mostram que a vereadora foi seguida.

É óbvio que a morte de uma liderança política, executada após denunciar abusos do Estado, despertaria comoção. E não é preciso ser de esquerda, gostar do PSOL ou das atitudes da vereadora para entender isso. Não é preciso apoiar os atos da vereadora, não é preciso concordar com o partido dela. Nem mesmo participar ou gostar das manifestações ocorridas depois.

Mas é inaceitável o ato de jogar ovos nos manifestantes. Vai muito além de sujar quem participava da manifestação, é uma afronta a liberdade de expressão. É querer cercear o direito do outro de se manifestar apenas porque não concorda com as posições ideológicas. Isso é inaceitável numa sociedade que se diz democrática.

Blumenau teve manifestações em junho de 2013 e nos protestos que pediram o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. Não há registros de atitudes como as vistas agora.

A cidade de Blumenau é tradicionalmente conservadora, com posicionamentos políticos contrários ao da vereadora Marielle e de seu partido. Todos na cidade, conservadores, liberais, sociais-democratas, socialistas ou mesmo pessoas sem ideologia definida precisam se manifestar e condenar a atitude dos idiotas que jogaram ovos nos manifestantes. Não podemos aceitar isso como não podemos aceitar as mensagens racistas que foram colocadas próximo do escritório de um advogado negro no ano passado. Não se trata de ideologia aqui, se trata de respeito ao próximo.

Se a cidade não se levantar e mostrar que é contra o que foi feito, que os idiotas que jogaram ovos não passam de uma meia dúzia, a tendência é que eles cresçam e ganhem espaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *